Christina Rufatto
Christina Rufatto

Datena diz que tomará decisão sobre candidatura nesta semana

Apresentador, que está cogitando tentar uma vaga no Senado, afirmou que continua indeciso

O Estado de S.Paulo

25 Junho 2018 | 15h44

SÃO PAULO - O apresentador José Luiz Datena anunciou neste fim de semana, em seu programa dominical, que vive um momento muito difícil da vida enquanto decide ser irá ou não concorrer nas eleições 2018. A declaração foi dada em conversa com o convidado da atração, o cantor Eduardo Costa.

++ Eleições 2018: DEM marca para quinta lançamento de Datena ao Senado

++ Datena confirma que vai se candidatar ao Senado

"Eu já tinha desistido completamente da política, e tô numa encruzilhada desgraçada. Talvez seja esse o último programa que eu faço nessa fase na Rede Bandeirantes", começou. "Se domingo que vem eu estiver apresentando esse programa, é porque eu não entrei na política. (...) Se domingo que vem eu não estiver aqui, é porque eu já tomei a decisão de durante um tempo deixar a televisão", continuou, enfatizando que estava tendo "um dia muito difícil".

Ainda sem dar detalhes, Datena confessou que está indeciso sobre qual rumo tomar e que espera uma ajuda divina para encerrar o assunto. "Tenho três ou quatro dias para decidir e eu peço a Deus, nosso Senhor Jesus Cristo, que me ilumine, porque se eu entrar nessa parada, não vai ser para brincar, não".

+ Datena se candidata a ser o novo outsider

Recém-filiado ao DEM, Datena tem reforçado seu desejo de concorrer a uma vaga no Senado, provavelmente na chapa do ex-prefeito João Doria (PSDB), pré-candidato ao Palácio dos Bandeirantes. Em 2016, ele também cogitou entrar na disputa para a Prefeitura de São Paulo, mas acabou desistindo. 

+ Líder de pesquisa Ibope para senadores, Datena empolga DEM

No dia 13 de junho, Datena chegou a se encontrar em Brasília com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, pré-candidato do DEM à Presidência, para discutir a questão de uma eventual candidatura. Em pesquisa Ibope para senadores em São Paulo divulgada em abril, Datena apareceu na liderança, com 33% das intenções de voto.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.