Toffoli reúne cúpula do Judiciário e Legislativo para tratar de coronavírus

Toffoli reúne cúpula do Judiciário e Legislativo para tratar de coronavírus

O encontro serve para que o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, faça uma apresentação sobre a situação da doença no País

Julia Lindner / BRASÍLIA

16 de março de 2020 | 17h30

Após voltar do Marrocos, o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, promove uma reunião nesta segunda-feira, 16, sobre o novo coronavírus com algumas das principais autoridades do Judiciário e do Legislativo. O encontro acontece em uma sala de reuniões, a portas fechadas, na sede do STF. Toffoli não passará por período de quarentena por não apresentar sintomas do Covid-19.

O encontro serve para que o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, faça uma apresentação sobre a situação da doença no País. Participam os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP). Também foram chamados a presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Rosa Weber, e do Superior Tribunal de Justiça, João Otávio de Noronha.

O presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Dias Toffoli, em evento com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ). Foto: Adriano Machado / Reuters

Outros nomes presentes são o procurador-geral da República, Augusto Aras, e o advogado-geral da União, André Mendonça.

Uma das orientações do ministério da Saúde é evitar aglomerações e contatos próximos. O encontro deve ser decisivo para que as Cortes definirem como será o andamento das sessões diante do avanço do novo coronavírus no Brasil.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.