Cid Gomes baleado

Cid Gomes baleado

Senador licenciado Cid Gomes (PDT), irmão de Ciro, foi alvejado nesta quarta-feira, 19, em Sobral, interior do Ceará, durante uma manifestação de PMs grevistas; ainda não se sabe se a bala que o atingiu é de borracha ou de arma de fogo; pedetista está internado

Redação

19 de fevereiro de 2020 | 18h36

Cid Gomes baleado. Foto: Sobral24h

O senador licenciado Cid Gomes (PDT), irmão de Ciro, foi baleado nesta quarta-feira, 19, em Sobral, interior do Ceará, durante uma manifestação de PMs grevistas em frente ao Terceiro Batalhão da Polícia Militar da cidade. Não há confirmação sobre se a bala é de borracha ou de arma de fogo. Ele não corre risco de vida.

“Neste momento, o senador passa por estabilização no Hospital do Coração de Sobral e será transferido para a Santa Casa de Misericórdia de Sobral. Mais informações em instantes”, afirmou o perfil oficial do parlamentar, no Twitter.

O ex-ministro Ciro Gomes afirmou, em seu Twitter. “Meu irmao Cid Gomes foi vitima de dois tiros de arma de fogo por parte de policiais militares amotinados e mascarados em Sobral, nossa cidade. Até aqui as informações médicas são de que as balas não atingiram órgãos vitais apesar de terem mirado seu peito esquerdo. (…)”

“Novos exames estão sendo feitos mas a palavra aos familiares e amigos é de que Cid não corre risco de morte.
Espero serenamente, embora cheio de revolta, que as autoridades responsáveis apresentem prontamente os marginais que tentaram este homicídio bárbaro às penas da lei”, relata.

Tudo o que sabemos sobre:

Cid Gomes

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: