As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Número 156 não agenda teste de coronavírus em casa, esclarece Prefeitura de SP

Central de Atendimento da Prefeitura apenas fornece informações básicas sobre a covid-19; paulistanos que apresentarem sintomas devem se dirigir à unidade de saúde mais próxima usando máscara

Tiago Aguiar

18 de março de 2020 | 17h44

Uma corrente no WhatsApp divulga a informação falsa de que é possível agendar pelo número 156 a coleta de sangue em casa para realização de teste do novo coronavírus. A Prefeitura de São Paulo desmentiu o boato e esclareceu que a Central de Atendimento apenas fornece informações básicas ao cidadão sobre a covid-19.

A mensagem falsa que circula no WhatsApp recomenda a quem sentir sintomas de gripe e febre ligar para o número 156, “pois serão enviados à residência da pessoa profissionais da área da saúde para coletar sangue”. De acordo com a Prefeitura, o boato se espalhou a partir de uma interpretação equivocada de um decreto publicado na edição de segunda-feira, 16, do Diário Oficial do Município (DOM).

Se você apresentar sintomas como febre, tosse e dificuldade para respirar, a Prefeitura recomenda procurar o atendimento médico mais próximo. “No deslocamento até a unidade de saúde, recomenda-se usar máscara comum (cirúrgica), evitar o transporte público e manter as recomendações de etiqueta respiratória. Caso não possua máscara solicite ao chegar na unidade de saúde”, comunicou a Prefeitura.

O número 156 serve para solicitação e acompanhamento de serviços da Prefeitura de São Paulo.

Novo coronavírus. Foto: CDC/Divulgação

Acompanhe a cobertura em tempo real do Estado sobre o novo coronavírus.

Confira as respostas a 115 dúvidas sobre a covid-19.

Veja outras informações falsas sobre o coronavírus que circulam no WhatsApp.

Tudo o que sabemos sobre:

fake news [notícia falsa]coronavírus

Tendências: