Serra quer que Guedes abra cálculos da reforma

Serra quer que Guedes abra cálculos da reforma

Coluna do Estadão

08 de março de 2019 | 05h00

José Serra. FOTO: ALEX SILVA/ESTADÃO

O tucano José Serra (SP) protocolou requerimento ao ministro da Economia, Paulo Guedes, solicitando a memória de cálculo (discriminação detalhada) da proposta de reforma da Previdência. O governo divulga uma estimativa de economia de R$ 1,1 trilhão, mas não explica como chegou ao valor. O senador acredita que a divulgação dos dados dará maior transparência ao debate. Assim que o pedido for encaminhado, Guedes terá 30 dias para responder. A negativa pode ser classificada como crime de responsabilidade fiscal, diz a Constituição.

Tintim por tintim. No requerimento, Serra, ex-ministro do Planejamento, pede que Guedes explique “separadamente as premissas e hipóteses” adotadas para os cálculos referentes ao Regime Próprio e ao Geral.

Prioridade. O ministro da Defesa, Fernando Azevedo, conversou ontem por uma hora com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia. A pasta trata o dia 20 próximo como o prazo máximo para o envio da sua proposta de reforma dos militares.

Captei. Ao anunciar no Facebook que conversará semanalmente com os brasileiros, Jair Bolsonaro atende à sugestão de Olavo de Carvalho: fale diretamente ao povo, não aos jornalistas, recomendou o guru ao presidente na terça-feira.

Bloqueio. De um dos generais de Jair Bolsonaro sobre o polêmico tuíte do presidente durante o carnaval: “Ele não pode ficar sozinho com o celular dele”.

Segue… Tribunais estaduais seguem concedendo licença-prêmio a magistrados em 14 Estados. Só em MG, o tribunal pagou em fevereiro R$ 29 milhões referentes à metade das licenças não gozadas. O restante será pago ainda este ano.

…o baile. Desde 2017, o Supremo Tribunal Federal avalia se é constitucional o pagamento dessa licença com base na simetria com o Ministério Público, que concede o benefício. A PGR já se manifestou favorável.

Lupa. O deputado Orlando Silva (PCdoB) propôs a criação de uma comissão especial para fazer um pente-fino em todos os subsídios concedidos pela União. Segundo ele, Rodrigo Maia acatou a proposta.

SINAIS PARTICULARES
NOVOS LÍDERES DO CONGRESSO
Weverton Rocha, líder do PDT no Senado

ILUSTRAÇÃO: KLEBER SALES/ESTADÃO

Tête-à-tête. Depois de disparar ligações aos telefones de deputados pedindo votos em Janaina Paschoal para presidente da Assembleia-SP, a militância do PSL agora vai pessoalmente aos gabinetes falar com os parlamentares.

Feirão. Com o Estado em crise financeira, o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, vai leiloar na semana que vem carros de luxo que serviam a seus antecessores Marconi Perillo e José Eliton. O valor arrecadado será destinado ao Hospital Materno Infantil. “Não há espaço para mordomias.”

CLICK. O governo de Goiás leiloará os veículos Hyundai Equus 2011 e Hyundai Equus 2013, que têm lances mínimos de R$ 120 mil e R$ 207,1 mil, respectivamente.

FOTO: GOVERNO DE GOIÁS/DIVULGAÇÃO

Sinal… Neste Dia Internacional da Mulher, dados do Ligue 180 mostram crescimento de 36% no número de denúncias relacionadas à violência contra mulheres em comparação com 2018.

…amarelo. A avaliação do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos é de que a alta pode estar relacionada aos episódios de feminicídio.

Delas. O STF abre hoje evento sobre a participação das mulheres na construção de Brasília. Fotografias, obras de arte e até lambretas estarão em exposição.

PRONTO, FALEI!

Augusto Coutinho. FOTO: CLEIA VIANA/CÂMARA DOS DEPUTADOS

Augusto Coutinho, líder do Solidariedade na Câmara (PE): “O governo vai ter tanto problema com a Previdência, não é inteligente criar mais problemas com o Congresso”, sobre as propostas de novas regras sindicais.

COM REPORTAGEM DE ALBERTO BOMBIG, JULIANA BRAGA E MARIANNA HOLANDA

Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao
Instagram: @colunadoestadao