Em meio à pandemia, Planalto quer fazer cerimônia de posse para ministros

Em meio à pandemia, Planalto quer fazer cerimônia de posse para ministros

Marianna Holanda

01 de abril de 2021 | 08h00

Bolsonaro disse que o governo vai trabalhar com o Congresso para controlar despesas e abrir espaço para investimentos. Foto: Adriano Machado/Reuters – 12/8/2020

Em meio ao pior momento da pandemia do coronavírus, o governo quer realizar uma cerimônia de posse dos novos ministros na próxima terça-feira, 6, no Salão Nobre do Palácio do Planalto.

O evento deve ser aberto e está marcado para 10h. Mesmo Marcelo Queiroga, empossado na semana passada no Ministério da Saúde, deve participar da cerimônia.

Tomam posse Luiz Eduardo Ramos, na Casa Civil, Anderson Torres, na Justiça; Braga Netto, na Defesa; Carlos França, no Itamaraty; Marcelo Queiroga, na Saúde; Flávia Arruda, Secretaria de Governo; e André Luiz de Almeirda, AGU.

LEIA TAMBÉM: 626 cidades sob risco de ficarem sem oxigênio

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.