Dida Sampaio / Estadão (16/02/2017)
Dida Sampaio / Estadão (16/02/2017)

Ministro da Educação diz que deixará o governo até abril por eleições

Mendonça Filho afirma que ainda não decidiu qual cargo irá disputar

Eduardo Rodrigues, O Estado de S.Paulo

21 Fevereiro 2018 | 09h28

BRASÍLIA - O ministro da Educação, Mendonça Filho, confirmou no início desta manhã de quarta-feira, 21, que irá deixar o governo até o começo de abril para disputar as eleições deste ano. "Não defini ainda qual cargo que irei disputar, mas está pacificada a decisão de deixar o governo até abril", disse o ministro, que é cotado para concorrer ao governo de Pernambuco.

Mendonça participa agora pela manhã de seminário internacional sobre financiamento estudantil. Segundo ele, as novas regras do Fies tornaram o programa sustentável e garantem financiamento em condições favoráveis aos estudantes. "São 100 mil financiamentos com juro zero e o pagamento só ocorre após o aluno se formar e ter renda", concluiu o ministro.

Faltando pouco mais de um mês para que os ministros-candidatos deixem os cargos, a base aliada do governo Temer no Congresso começa a disputar as indicações dos substitutos. É o que informa nesta quarta a Coluna do Estadão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.