Zeca do PT é denunciado por desvio de dinheiro público

Ex-governador do Mato Grosso do Sul é acusado de chefiar esquema de corrupção

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

09 Outubro 2007 | 09h43

O ex-governador Zeca do PT foi denunciado na última sexta-feira, 5, pelo Ministério Público de Mato Grosso do Sul, acusado de chefiar um esquema de desvio de dinheiro público durante o período em que administrou o Estado, entre 1999 e 2006.   José Orcírio Miranda dos Santos, o Zeca do PT, e outras sete pessoas, mais duas empresas, foram denunciadas à Justiça em duas ações: uma criminal (por suposta prática de peculato, falsificação de documentos, falsidade ideológica e uso de documento falso) e outra cível (por improbidade administrativa).   Segundo o Ministério Público, Zeca do PT e ex-secretários, funcionários públicos e empresários forjavam a prestação de serviços de uma gráfica e de uma agência de publicidade, para a impressão de livros e revistas, cartilhas e informativos, que eram pagas com notas falsas.   Além do ex-governador, foram denunciados Raufi Antônio Jaccoud Marques, secretário de Estado de Coordenação-Geral de Governo, Oscar Ramos Gaspar, ex-Subsecretário de Comunicação, Ana Lúcia Rodrigues Rosa Tavares, funcionária do Centro Gráfica Ruy Barbosa, José Roberto dos Santos, empresário, Ivanete Leite Martins, ex-funcionária pública, Ariosto Luiz Barbieri, proprietário da agência Agilitá e Hugo Sérgio Siqueira Borges, proprietário da Gráfica e Editora Quatro Cores.   A quebra do sigilo bancário, o bloqueio e o confisco dos bens dos 11 investigados já foram pedidos pelos promotores.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.