Yeda vai mover ação contra ''Veja'' por danos morais

A governadora do Rio Grande do Sul, Yeda Crusius (PSDB), vai mover uma ação de indenização por danos morais contra a revista Veja pela publicação de reportagem afirmando que ela usou doações não registradas da campanha eleitoral de 2006 para pagar parte de um imóvel. A decisão foi anunciada ontem pelo advogado de Yeda, Eduardo Alckmin, que apontou abalo na "honra da governadora". Procurada, a direção da revista não foi encontrada para comentar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.