Yeda nomeia deputado cassado para cargo de assessor

Coffy Rodrigues teve seu mandato cassado pelo TRE por infidelidade partidária em janeiro

Sandra Hahn, da Agência Estado,

01 de fevereiro de 2010 | 18h19

A governadora do Rio Grande do Sul, Yeda Crusius (PSDB), nomeou como assessor especial o ex-deputado estadual Coffy Rodrigues (PSDB), que teve seu mandato cassado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) por infidelidade partidária no dia 20 de janeiro. A nomeação foi publicada hoje no Diário Oficial do Estado. Coffy foi eleito segundo suplente pelo PDT e migrou para o PSDB em 2007. O PDT entrou com ação no TRE pedindo a perda do mandato, que foi julgada em janeiro. O ex-deputado disse, na época, que houve "perseguição política" e recorreria da decisão.

O tucano foi relator de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investigou, em 2009, supostos atos de corrupção de empresários e agentes políticos. O texto oficial, aprovado pela maioria aliada à governadora na CPI no dia 21 de dezembro, não encontrou irregularidades, ao contrário de relatório paralelo elaborado pela oposição.

Tudo o que sabemos sobre:
Yeda CrusiusRSCoffy Rodriguesassessor

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.