Yeda lança portal com dados financeiros do Rio Grande do Sul

Governadora afirma que serviço faz parte do cumprimento de acordo com o Banco Mundial

Sandra Hahn, O Estado de S. Paulo

18 de agosto de 2009 | 18h20

Um ano depois de anunciado, a governadora do Rio Grande do Sul, Yeda Cruisius (PSDB), lançou nesta terça-feira, 18, o "Portal da Transparência", que pretende apresentar em "detalhes" as despesas e receitas do governo, segundo ela.

 

Além de informações do próprio Executivo, o portal remete a páginas do Legislativo, Judiciário, Ministério Público e Tribunal de Contas do Estado. Yeda disse que o serviço faz parte do cumprimento de metas definidas com o Banco Mundial, que liberou financiamento ao Estado em troca de ações de ajuste fiscal e modernização da estrutura administrativa, entre outras.

 

A criação do serviço foi anunciada por Yeda em julho de 2008, depois do agravamento da crise política motivado por divulgação de conversa entre o então chefe da Casa Civil, Cezar Busatto (PPS), e o vice-governador, Paulo Afonso Feijó (DEM), em que o primeiro aborda financiamento de campanhas com uso de estatais - e posteriormente disse ter sido impreciso nas afirmações.

 

O portal ainda não informa dados sobre cargos comissionados do Executivo. O governo irá enviar projeto à Assembleia definindo a forma de gestão do serviço, que pode ser acessado pelo endereço www.transparencia.rs.gov.br.

Tudo o que sabemos sobre:
Yedaportaltransparência

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.