William F. Buckley Jr. vai deixar a National Review

William F. Buckley Jr. está deixando a National Review, a prestigiada revista conservadora que ele fundou há meio século. Aos 78 anos, ele planeja transferir o controle acionário para um conselho de acionistas que já selecionou, de acordo reportagem de hoje do The New York Times.O conselho inclui seu filho, o humorista Christopher Buckley; o presidente da revista, Thomas L. Rhodes; e Austin Bramwell, um colaborador que se graduou em Yale em 2000. Rhodes será o presidente do conselho. ?A questão é escolher o momento de sair ou morrer na ribalta, e não há nenhuma vantagem nisso?, disse Buckley , que manterá sua coluna na revista, ao Times. ?A decisão foi tomada e a desinvestidura já foi planejada.? Buckley, um dos pais do movimento conservador moderno, publicou a primeira edição da National Review em 1955. ?Acreditamos em influenciar o pensamento conservador e fomos bem sucedidos?, ele disse ao jornal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.