Waldir Maranhão será o primeiro vice-presidente da Câmara

O novo presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), acaba de anunciar a composição da nova Mesa Diretora da Casa. O PT, que em troca de apoio ao candidato Arlindo Chinaglia (PT-SP) abriu mão dos cargos em favor dos aliados, ficou de fora da direção da Câmara.

DAIENE CARDOSO E RICARDO DELLA COLETTA, Estadão Conteúdo

01 Fevereiro 2015 | 21h08

Na primeira vice-presidência ficou o deputado Waldir Maranhão (PP-MA), indicação do bloco liderado pelo PMDB. Giacobo (PR-PR), que lançou candidatura avulsa para a segunda vice-presidência, superou Lúcio Vale (PR-PA), que era o indicado pelo bloco liderado pelo PT.

Para a primeira secretaria foi designado Beto Mansur (PRB-SP), do bloco do PMDB. O deputado Felipe Bornier (PSD-RJ), indicado pelo bloco do PT para a segunda secretaria, superou a candidatura avulsa de Átila Lins (PSD-AM). A terceira secretaria, cargo escolhido pelo bloco do PSDB, será assumida pela deputada Mara Gabrilli (PSDB-SP). Já a quarta secretaria será comandada por Alex Canziani (PTB-PR), do bloco do PMDB.

Foram escolhidos para suplência os deputados Mandetta (DEM-MS), Gilberto Nascimento (PSC-SP), Luiza Erundina (PSB-SP) e Ricardo Izar (PSD-SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.