Wagner diz não saber de demissão de Mattoso

O ministro das Relações Institucionais, Jaques Wagner, disse na manhã desta quinta não ter nenhuma notícia de que o presidente da Caixa Econômica Federal, Jorge Mattoso, tenha pedido demissão. Os boatos circularam nesta manhã, no Congresso Nacional. "Até hoje de manhã, quando eu cheguei aqui (no Palácio do Planalto) não tinha nada", disse o ministro.O delegado Rodrigo Carneiro Gomes, da Diretoria de Combate ao Crime Organizado (Dcor), fora designado para presidir o inquérito para apurar a denúncia de quebra ilegal de sigilo bancário do caseiro Francenildo dos Santos Costa.Ele convocou imediatamente assessores da Caixa Econômica Federal e do Ministério da Fazenda, sobre os quais recaem as principais suspeitas de participação na quebra do sigilo do caseiro e no vazamento das informações para a imprensa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.