Votação sobre salário de parlamentares deve sair em 2007

A Câmara deverá deixar para o próximo ano a votação que definirá o valor do salário dos parlamentares. Lideranças partidárias já consideram que, sem acordo, as propostas de votação anunciadas pelo presidente da Câmara, deputado Aldo Rebelo (PC do B-SP) devem ser retiradas da pauta. "Não há acordo. A próxima legislatura decide isso, já que pode adiar, vamos deixar para depois", afirmou o primeiro-secretário da Mesa da Câmara, deputado Inocêncio Oliveira (PL-PE). O líder do PL na Câmara, deputado Luciano Castro (RR), afirmou que o melhor é deixar para o ano que vem para que os deputados que assumirão seus mandatos no dia 1º de fevereiro decidam o que devem fazer com o salário. "Não vou mexer em benefícios com mais de 200 deputados novos chegando à Casa", disse, referindo-se ao fato de estarem ausentes esses deputados recém-eleitos e presentes muitos dos que não conseguiram se reeleger.

Agencia Estado,

20 Dezembro 2006 | 18h09

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.