Virose obriga FHC a cancelar parte da agenda

O presidente Fernando Henrique Cardoso precisou cancelar alguns compromissos de nesta segunda-feira por causa de uma virose que o atacou no fim de semana e o deixou indisposto. Apesar dos sintomas parecidos com o de uma gripe e uma febre baixa, Fernando Henrique chegou a cumprir agenda pela manhã, recebendo o presidente do Timor Leste, Xanana Gusmão, no Palácio do Planalto, e depois participou de almoço no Alvorada, em homenagem ao seu colega timorense. No final da manhã, Fernando Henrique já se mostrava um pouco abatido e cansado e chegou a conversar com o médico da Presidência, que lhe recomendou repouso. No almoço, ao invés de improvisar em cima do texto que recebeu, como de costume, o presidente se restringiu a lê-lo e não quis falar com a imprensa sobre a disparada do dólar, que havia atingido R$ 3,18 naquela hora. Mais tarde, o presidente decidiu permanecer no Palácio da Alvorada, sua residência oficial, mas manteve na agenda o encontro com o ministro dos Negócios Estrangeiros de Portugal, Antonio Martins da Cruz. A reunião com o ministro da Defesa, Geraldo Quintão, e os comandantes do Exército, Gleuber Vieira, e da Aeronáutica, Carlos Baptista, no entanto, foi cancelada, embora o ministro Quintão tenha conversado, durante o almoço oficial, rapidamente com o presidente, sobre as promoções do próximo dia 31 de julho, quando o fiel escudeiro do presidente, general Alberto Cardoso, ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional, receberá a quarta-estrela. O general Cardoso permanece no cargo até o final do governo e só aí retornará às fileiras do Exército. Rotina Muitas vezes que retorna de viagens internacionais, Fernando Henrique sofre de indisposições alimentares. Algumas são provocadas porque o presidente não costuma recusar diferentes tipos de comidas que lhe oferecem. Desta vez, no entanto, parece que o mal-estar foi originado por uma virose. Apesar dos problemas, a princípio, manteve a agenda desta terça-feira, quando participará de uma cerimônia de entrega de credenciais no Palácio da Alvorada. A viagem prevista para esta sexta-feira, para Aracruz, no Espírito Santo, também está confirmada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.