Violência no País mata mais que guerra civil

Ocorrem mais mortes por homícidio no Brasil que na Colômbia, país em plena guerra civil. A constatação foi feita ontem, na sede das Nações Unidas em Genebra, durante o lançamento do relatório sobre execuções sumárias realizado por uma coalisão de seis organizações não-governamentais brasileiras. Segundo dados da Fundação Getúlio Vargas, 38 mil homicídios ocorreram no País nos últimos dez anos, enquanto que no mesmo período 35 mil pessoas foram vítimas de assassinatos na Colômbia. O relatório tem como objetivo alertar a comunidade internacional sobre a situação em que vive o País e pedir ações urgentes por parte do governo brasileiro. "A violência atingiu um patamar alarmante", afirma Fernando Mattos, do Gabinete de Assessoria Jurídica às Organizações Populares. Nos últimos 20 anos, a taxa de homicídio no país cresceu 173,73%, passando de 9,44 por 100 mil habitantes, em 1979, para 25,84 por 100 mil habitantes, em 1999. Segundo o relatório, a polícia esteve envolvida em 8% dos casos.Leia Mais

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.