Vinte e seis mil litros vazaram da P-7

O gerente executivo de segurança e meio ambiente da Petrobrás, Irani Varella, disse que 26 mil litros de óleo vazaram até as 14h30 da plataforma P-7, na Bacia de Campos.Segundo ele, "não há mais qualquer risco para o meio-ambiente. Verificamos que o poço está totalmente vedado", disse Varella.Ele informou que a produção da plataforma (15,6 mil barris/dia) está totalmente paralisada, "mas será plenamente retomada em 24 ou 48 horas".Varella disse ainda que a empresa está utilizando barreiras e um trabalho de dispersão do óleo com barcos para eliminar a mancha - que não será mais visível em 48 horas, segundo ele.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.