Vilagra toma posse em Campinas-SP, mas é contestado

O vice-prefeito de Campinas (SP), Demétrio Vilagra (PT), tomou posse como prefeito da segunda maior cidade do Estado na manhã de hoje, em meio à crise político-administrativa que levou à cassação do pedetista Hélio de Oliveira Santos no último sábado. Menos de dez minutos após Vilagra ser empossado, o setor de protocolo do Legislativo já registrava ao menos dois pedidos de instauração de Comissão Processante (CP) para apurar denúncias contra o petista, processo que pode levá-lo também a perder o mandato.

TATIANA FÁVARO, Agência Estado

23 de agosto de 2011 | 18h22

Os pedidos serão votados na sessão da Câmara de amanhã. Para ser aprovada uma CP são necessários 22 votos, ou seja, dois terços dos votos de 33 vereadores. Vilagra responde a acusações do Ministério Público à Justiça de supostos crimes de desvio de recursos, fraudes em licitações e formação de quadrilha. "A minha defesa eu já fiz à Justiça. Sou uma pessoa limpa, não devo nada, por isso vou aguardar a decisão da Justiça", disse o novo prefeito. "Amanhã ou depois, se eu for condenado, não precisa de Comissão Processante: eu mesmo coloco meu cargo à disposição. Mas tenho certeza de que a Justiça vai me absolver".

A maior expectativa das lideranças políticas na cidade agora é a de qual será o posicionamento dos vereadores que, embora fossem da base aliada de Hélio de Oliveira Santos, votaram pelo impeachment do pedetista. Para a oposição, se os vereadores da base concordaram com a responsabilização de Hélio pelos atos de corrupção praticados por seus funcionários, é natural que Vilagra, sendo um dos acusados formalmente na Justiça, seja alvo de uma apuração no Legislativo. O petista teve a prisão decretada duas vezes e em uma delas chegou a ser detido.

Tudo o que sabemos sobre:
posseprefeituraCampinas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.