Vice-líder diz que Lula pode mudar pontos da Previdência

O deputado Vicente Cascione (PTB-SP), um dos vice-líderes do governo na Câmara, disse, depois de participar saída de almoço com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e líderes da base aliada, que, no encontro, Lula deixou claro que poderá haver mudanças na proposta de reforma da Previdência. "Vocês, da base, vão decidir", teria dito o presidente. "Vamos voltar a discutir, mas vocês vão resolver. O governo não quer alterar os pontos estruturais, mas temos condições de atender esses pontos que vocês apresentaram". Lula teria feito essas afirmações ao término da reunião. Os pontos a que se referia, segundo Cascione, são ajustes nas pensões, o subteto do Judiciário nos Estados e alguns outros pleitos dos servidores públicos. O líder do PMDB na Câmara, Eunício Oliveira (CE), relatou que o presidente manifestou o desejo de ver aprovado o relatório do deputaddo José Pimentel (PT-CE), mas considerava natural recolher as ponderações da base aliada. Eunício relatou que Lula disse que as ponderações seriam discutidas com o ministro da Previdência, Ricardo Berzoini, e que seriam repassada aos líderes pelo ministro-chefe da Casa Civil, José Dirceu, antes de Lula viajar para a África, no início da próxima semana.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.