Vice de Alckmin será do PFL, diz Tasso

O presidente nacional do PSDB, senador Tasso Jereissati (CE), disse nesta terça-feira que, na reunião de hoje da executiva nacional do partido com o candidato tucano à Presidência da República, Geraldo Alckmin, não se discutiu, "em hipótese alguma", a possibilidade de ceder o lugar de vice na chapa de Alckmin ao PMDB. "A vice é do PFL, essa é a negociação", afirmou Tasso, salientando, no entanto que, numa campanha, "somar é sempre positivo".Segundo o senador, já existem bons palanques formados com o PMDB em alguns Estados e o mais provável é que o partido não tenha candidato a presidente da República. Ainda assim, ele considera "difícil e improvável uma aliança formal com o PMDB".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.