Vestibular da FGV-SP começa neste domingo

Começa amanhã o vestibular da Fundação Getúlio Vargas (FGV), que este ano tem novidades para os candidatos. A prova de ciências naturais (Bilogia, Física e Química) foi retirada do exame. A partir das 9 horas, os vestibulandos responderão a 75 testes de Português, Matemática, Inglês, História e Geografia, que fazem parte da primeira fase. "Queremos priorizar o bom aluno das áreas de Matemática Português e Inglês", justifica o coordenador do vestibular, Mauro Tapias. "São elas as disciplinas fundamentais para o desenvolvimento do estudante na graduação da FGV." Ele explica que, até o ano passado, só havia perguntas de Matemática e de Português na segunda fase. Dessa maneira, os alunos que não passavam da primeira etapa nem tinham a chance de mostrar seu conhecimento nessas áreas.Na segunda fase, que será no dia 17 de junho, não houve mudanças. Os alunos precisam responder a questões dissertativas de Português e Matemática e fazer uma redação. Este ano, são 2.415 candidatos disputando as 200 vagas - 150 no curso de administração de empresas e 50 no de administração pública. A faculdade, com uma mensalidade de mais de R$ 1 mil, oferece crédito educativo para alunos que não têm condições de pagar. A prova de domingo será na UniSantana, na Rua Voluntários da Pátria, 257.Na Universidade Mackenzie terminam na quinta-feira as inscrições para o vestibular. O manual custa R$ 15,00 e a taxa é de R$ 75,00. Na sexta-feira, encerram-se as inscrições na Faculdade de Engenharia Industrial (FEI). A taxa é de R$ 60,00 e o manual custa R$ 5,00.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.