Vereadores aumentam seus salários em 35,5%

Por unanimidade de votos, vereadores de Goiânia aprovaram, nesta quinta, projeto de lei reajustando em 35,5% seus próprios salários. Atualmente eles ganham R$ 10.656,12 e o projeto será apreciado pelo prefeito Paulo Garcia (PT).

RUBENS SANTOS, Agência Estado

09 de agosto de 2012 | 18h58

Pelo projeto de lei, a partir de janeiro de 2013, quando terá início a nova legislatura, os vereadores passarão a receber R$ 15.031,51 por mês. No caso do prefeito, o salário saltará de R$ 18 mil para R$ 26.054,60, enquanto o vice-prefeito ganhará R$ 19.540,95. No momento, se comparado com o salário da Presidente da República, que é de R$ 26,1 mil, o prefeito de Goiânia terá, em 2013, um salário equivalente ao da Dilma Rousseff, em 2012.

Após a aprovação do projeto de lei, os vereadores evitaram dar entrevistas. Porém, o diretor legislativo da Câmara, Paulo de Tarso, confirmou a aprovação do reajuste salarial. Cinco dos 35 vereadores rejeitaram a medida e a lista de votação será divulgada nesta sexta.

Um vereador do PMDB, comentou que, apesar do momento, "muito dificilmente" o prefeito deixará de sancionar a medida, já que a Casa aprovou, sem objeções, o orçamento de R$ 2,4 bilhões, no ano passado, a pedido do prefeito.

Tudo o que sabemos sobre:
saláriosvereadoresGO

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.