Verba é insuficiente para presídios

Além dos presos brasileiros, o Brasil abriga 1.216 condenados estrangeiros, 579 deles cumprindo penas em presídios paulistas. Há várias pessoas presas por envolvimento com tráfico de drogas. Entre as nacionalidades, destacam-se 123 bolivianos e 102 nigerianos cumprindo pena no Brasil. O próprio governo reconhece que repassa pouco dinheiro para o Funpen (Fundo Penitenciário Nacional). Em todo o ano passado, foram transferidos para os Estados, via Funpen, R$ 137 milhões, o que corresponde a R$ 54,00 mensais, em média, para cada presidiário. Até o último dia 6, o governo só tinha liberado R$ 203 mil do Funpen, apenas 0,09% do total para o ano. Este dinheiro do Funpen é investido na construção de presídios, reestruturação do sistema penitenciário, informatização, reintegração social e profissionalização dos detentos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.