Velório de Wallace Souza reúne mais de 6 mil em Manaus

Mais de seis mil pessoas, segundo a Polícia Militar, estão velando o corpo do ex-deputado estadual pelo PP Wallace Souza, que morreu ontem, em São Paulo. O corpo foi levado a um ginásio de esportes, na zona leste de Manaus, a mais populosa e reduto eleitoral do deputado mais votado no Amazonas nas últimas eleições. Pessoas com camisetas com a foto do deputado e os dizeres de "saudades eternas ao amigo injustiçado" estão sentadas na arquibancada, observando o caixão coberto com uma bandeira do Fluminense. O enterro será amanhã às 10 horas.

LIEGE ALBUQUERQUE, Agência Estado

28 Julho 2010 | 20h34

Ainda hoje, o filho do deputado, Raphael Souza, que está preso desde março por associação ao tráfico de drogas e porte ilegal de armas de uso restrito, deverá ser levado ao local onde o pai está sendo velado. Souza foi cassado no ano passado, por quebra de decoro parlamentar, após ser acusado de comandar uma organização criminosa, supostamente formada por membros como seu filho Raphael e seus irmãos, o vereador Fausto Souza (PRTB) e o vice-prefeito de Manaus Carlos Souza (PP).

No ano passado, ele teve prisão decretada acusado de suspeita de envolvimento em trama para assassinar a juíza federal Jaíza Fraxe. Souza também foi acusado de mandar matar adversários nos crimes de tráfico e apresentar em seu programa de televisão.

Mais conteúdo sobre:
Wilson Lima deputado morte velório Manaus

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.