Veja como votaram os deputados na decisão que livrou Picciani, Melo e Albertassi

Com 39 votos a 19, Alerj decidiu revogar decisão do TRF2 desta quinta-feira; um deputado se absteve e outro não votou

O Estado de S.Paulo

17 Novembro 2017 | 17h42

RIO - Com 39 votos favoráveis contra 19 e uma abstenção, os deputados da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) aprovaram, nesta sexta-feira, 17, a libertação do presidente da Casa, deputado Jorge Picciani, do deputado Paulo Melo e do líder do Governo, deputado Edson Albertassi, todos do PMDB, presos nesta quinta-feira. O filho de Picciani, Rafael Picciani (PMDB), não votou.

VEJA COMO VOTARAM OS DEPUTADOS

Pela soltura dos deputados

Andre Correa

André Ceciliano

André Lazaroni

Átila Nunes

Chiquinho da Mangueira

Christino Áureo

Cidinha Campos

Coronel Jairo

Daniele Guerreiro

Dica

Dionisio Lins

Fabio Silva

Fatinha

Figueiredo

Filipe Soares

Geraldo Pudim

Gustavo Tutuca

Iranildo Campos

Jair Bittencourt

Janio Mendes

João Peixoto

Luiz Martins

Marcelo Simão

Marcia Jeovani

Marcio Canella

Marcos Abrahão

Marcos Muller

Marcus Vinicius

Milton Rangel

Nivaldo Mulim

Paulo Ramos

Pedro Augusto

Renato Cozzolino

Rosenverg Reis

Silas Bento

Thiago Pampolha

Tio Carlos

Zaqueu Teixeira

Zito

Pela manutenção das prisões

Benedito Alves

Carlos Macedo

Carlos Minc

Osorio

Dr. Julianelli

Eliomar Coelho

Enfermeira Rejane

Flávio Bolsonaro

Flávio Serafini

Gilberto Palmares

Luiz Paulo

Marcelo Freixo

Marcio Pacheco

Martha Rocha

Samuel Malafaia

Wagner Montes

Waldeck Carneiro

Wanderson Nogueira

Zeidan

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.