Veja a lista dos possíveis ministros de Michel Temer

Presidente em exercício deve fazer o anúncio oficial na tarde de quinta-feira, 12

O Estado de S. Paulo

12 de maio de 2016 | 11h58

BRASÍLIA - O ministério do governo Michel Temer será anunciado na tarde desta quinta-feira, 12, em pronunciamento no Palácio do Planalto. Ele já assinou a notificação do Senado e já é o Presidente da República em exercício.

Uma lista extraoficial, já confirmada por integrantes do grupo de Temer, circula desde a madrugada:

Ministérios do Governo Temer 

Casa Civil: Eliseu Padilha (PMDB/RS)

Secretaria de Governo: Geddel Vieira Lima (PMDB/BA)

Fazenda (Incorpora Previdência): Henrique Meirelles (PSD/SP)

STN: Mansueto de Almeida

- Secretário Executivo: Carlos Hamilton Araújo

- SPE: Marcos Mendes

Planejamento - Romero Jucá (PMDB/RR)

- Secretário Executivo - Dyogo de Oliveira

- Chefe da Assessoria Econômica - Manoel Pires

Justiça e Cidadania: Alexandre Moraes (PSDB/SP)

Educação: (incorpora Cultura):  Mendonça Filho (DEM/PE)

Saúde: Ricardo Barros (PP/PR)

Relações Exteriores (incorpora Apex): José Serra (PSDB/SP)

Turismo: Henrique Alves (PMDB/RN) 

Integração Nacional: Eduardo Braga (PMDB/AM)

Cidades: Bruno Araújo (PSDB/PE)

Minas e Energia: indicação da bancada do PSB no Senado

MDIC: Marcos Pereira (PRB)

Esportes: Leonardo Picciani (PMDB/RJ)

Desenvolvimento Agrário e Social: Osmar Terra (PMDB/RS)

Agricultura, Pecuária e Abastecimento: Blairo Maggi (PP/MT)

Transportes (Incorpora Aviação Civil e Portos): Maurício Quintella (PR/AL)

Comunicações, Ciência e Tecnologia: Gilberto Kassab (PSD/SP)

Ministério da Transparência e do Combate à Corrupção (Ex-CGU): Fabiano Silveira

Defesa: Raul Jungmann (PPS/PE)

Trabalho: Ronaldo Nogueira (PTB/RS)

Meio Ambiente: Sarney Filho (PV/MA)

Sem status de ministério: 

Secretaria Especial de Investimento: Moreira Franco (PMDB/RJ)

AGU: Fábio Medina Osório

Banco Central: Ilan Goldfajn

*Leonardo Quintao será o Líder do PMDB na Camara*

(Equipe AE)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.