Vazamento provoca acidente ambiental na Zona da Mata

O rompimento hoje de um reservatório de uma indústria de papel em Cataguases, na Zona da Mata mineira, provocou um acidente ambiental de grandes proporções, de acordo com informações preliminares da Polícia Militar e da Defesa Civil. Mais de 20 milhões de litros de uma mistura química, usada na fabricação do papel, teria vazado e atingido parte da zona rural da cidade e o rio Pomba, que abastece o município, de cerca de 70 mil habitantes.O acidente teria ocorrido por volta das 5h. Segundo as primeiras informações, a ruptura de um tanque da Indústria de Papel Cataguases, usado para receber os resíduos da queima de madeira, provocou a morte de animais e atingiu inicialmente o ribeirão Cágado, um afluente do Rio Pomba. De acordo com testemunhas, o pasto ficou coberto por uma camada espessa e escura do produto tóxico e famílias da região tiveram que abandonar às pressas suas residências.A orientação da PM e da Defesa Civil é para que, a partir de agora, as pessoas evitem beber água e não se alimentem de peixes do rio e produtos da lavoura. De acordo com informações de agricultores da região, o reservatório teria sido construído na década de 80 e apresentava rachaduras antes do acidente. Até agora, a empresa não se pronunciou sobre o acidente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.