Vantagem de Alckmin sobre Lula cai em SP, aponta Ibope

Se as eleições para a Presidência da República fossem realizadas hoje, o pré-candidato do PSDB, Geraldo Alckmin (PSDB), teria 42% do votos no Estado de São Paulo, contra 33% do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Já o peemedebista Anthony Garotinho teria 4% das preferências em todo o Estado.Este é o resultado da pesquisa estimulada do Ibope, divulgada nesta quarta-feira pelo Sindicato das Empresas de Transportes de Carga de São Paulo e Região (Setcesp) e pela Federação das Empresas de Transportes do Estado de São Paulo (Fetcesp), que contrataram o levantamento.Apesar de continuar na liderança entre os eleitores paulistas, Alckmin recuou 4 pontos porcentuais em relação à pesquisa divulgada no dia 6 de abril, quando registrava 46%. Já o presidente Lula teve um crescimento de 5 pontos porcentuais, pois o índice de abril era de 28%. Garotinho recuou 3 pontos, já que registrava 7% na pesquisa anterior.Nas projeções realizadas para o segundo turno da disputa presidencial, no Estado de São Paulo, Alckmin registrou 52% e Lula 36%. Nesta simulação, o ex-governador paulista apresentou queda de 3 pontos, pois, no levantamento do mês passado, seu índice era de 55%. O presidente Lula também registrou crescimento no segundo turno, pois, no dia 6 da abril, suas intenções de voto eram de 31%.Vantagem reduzidaSegundo o gerente de Projetos do Ibope Opinião, Mauricio Tadeu Garcia, apesar da manutenção da liderança em São Paulo, o tucano Geraldo Alckmin teve sua vantagem, em relação ao presidente Lula, reduzida pela metade. Na pesquisa divulgada em abril, esta diferença era de 18 pontos e, agora, caiu para 9 pontos. Apesar deste resultado, Garcia destacou que a oscilação está dentro da margem de erro do levantamento, que é de 3 pontos porcentuais, para mais ou para menos. Mesmo assim, não descartou a possibilidade de o presidente Lula ter conquistado alguns votos do adversário tucano.Na pesquisa estimulada para medir a rejeição entre os candidatos que pleiteiam o Palácio do Planalto, Lula teve 33%, contra 35% do levantamento de abril. Alckmin registrou 11%, mesmo porcentual da pesquisa anterior. Anthony Garotinho teve 39%, contra 35% da amostra divulgada no mês passado.A pesquisa Ibope foi realizada entre os dias 28 a 30 de abril, com 1.204 entrevistados de ambos os sexos, com idades acima de 16 anos e de vários graus de instrução e também de atividade, em 63 municípios do Estado de São Paulo. O intervalo de confiança estimado é de 95%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.