Valério tem pedido negado no Supremo

O ministro Carlos Alberto Menezes Direito, do Supremo Tribunal Federal, determinou o arquivamento do habeas corpus, ajuizado por Marcos Valério, por meio do qual o publicitário - um dos réus no inquérito do mensalão - pretendia ser intimado pelo ministro Joaquim Barbosa, relator da ação penal, para presenciar as audiências com as testemunhas de acusação. Direito lembrou que a questão já foi analisada pelo STF no julgamento de recurso contra o relator da ação do mensalão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.