Valéria Pires nega chapa com PSDB e fica fora de pleito

A ex-vice-governadora do Pará Valéria Pires Franco (DEM) não será candidata ao Senado e sequer disputará a eleição de outubro. Ela recusou proposta para figurar novamente na chama do tucano Simão Jatene (PSDB) e recebeu a solidariedade do marido, o deputado federal Vic Pires Franco, presidente estadual do DEM, que também decidiu não disputar a reeleição. Valéria chegou a ser cogitada como vice do candidato a presidente da República, José Serra.

CARLOS MENDES, Agência Estado

05 Julho 2010 | 20h52

O DEM não conseguiu fechar coligação com nenhum grande partido, porque eles não quiseram oferecer a segunda vaga ao Senado a Valéria, o que irritou Vic. A coligação DEM-PSDB na eleição proporcional (Assembleia Legislativa e Câmara dos Deputados) foi uma solução que deve abrir feridas na relação entre os dois partidos. Vic ainda não definiu se o DEM apoiará Serra ou Dilma Rousseff.

Mais conteúdo sobre:
eleição Pará Valéria Pires DEM PSDB

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.