Valdir Moysés Simão será o nº 2 do Turismo

O atual secretário de Fazenda do Distrito Federal e ex-presidente do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), Valdir Moysés Simão, deixará o governo local para assumir a secretaria executiva do Ministério do Turismo, anunciou hoje o governador do DF, Agnelo Queiroz. A informação foi confirmada pela assessoria do Ministério do Turismo.

RAFAEL MORAES MOURA, Agência Estado

07 de outubro de 2011 | 20h27

"É uma satisfação poder colaborar com o governo federal. Se ganha o Brasil, ganha o Distrito Federal", disse Agnelo Queiroz à imprensa, após audiência com a ministra Gleisi Hoffmann (Casa Civil), no Palácio do Planalto. Simão assumiu a presidência do INSS em agosto de 2005, depois virou secretário adjunto da Receita Federal do Brasil e retornou ao instituto em dezembro de 2008. Desde janeiro deste ano, ocupa a Secretaria de Fazenda do DF.

"O objetivo é ajudar o ministro Gastão Vieira na gestão do ministério e colocar a pasta nos eixos. É um desafio novo, por ser um ministério de extrema relevância e importância estratégica pelos eventos que vamos sediar", disse Simão em entrevista à "Agência Estado". Questionado se o seu nome era uma indicação técnica, respondeu: "Certamente, porque a minha vinculação é com o compromisso público. Não tenho filiação partidária."

O Ministério do Turismo enfrentou uma dura crise nos últimos meses, com a deflagração da Operação Voucher, na qual mais de 30 pessoas foram presas, inclusive então secretário-executivo da pasta. O atual ministro, Gastão Vieira, assumiu o cargo no último dia 16, após a queda de Pedro Novais, acusado de usar servidores públicos para fins pessoais.

Tudo o que sabemos sobre:
TurismoValdir Moysés Simão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.