Vaccarezza: explicações de Palocci são esclarecedoras

O líder do governo na Câmara, deputado Cândido Vaccarezza (PT-SP), disse há pouco que as explicações dadas pelo ministro-chefe da Casa Civil, Antonio Palocci, sobre o aumento de seu patrimônio, foram "esclarecedoras porque os problemas ocorreram no ano passado e não têm nada a ver com o governo e não têm nada a ver com seu exercício no ministério". O líder participou hoje do evento de filiação do deputado Gabriel Chalita ao PMDB. No discurso que fez, Vaccarezza elogiou o PMDB, destacando que a legenda contribuiu muito para a consolidação da economia, desde o governo Lula.

WELLINGTON BAHNEMANN, Agência Estado

04 de junho de 2011 | 14h30

Vaccarezza disse também que Palocci deixou claro que não houve tráfico de influência e que também não houve uso de informações privilegiadas do governo. Questionado sobre as novas denúncias apresentadas hoje pela revista Veja, o líder do governo alegou: "Não tenho esses dados e eu não posso fazer comentários em tese, preciso saber se é verdade para formar opinião."

Indagado se o ministro-chefe da Casa Civil poderá ser afastado do cargo, Vaccarezza disse que apenas quem fala sobre o tema é a presidente Dilma Rousseff. "Eu, na condição de líder do governo, não posso falar sobre este assunto. O que eu posso dizer é que ele sendo ministro, terá da minha parte integral apoio." Questionado se o ministro fica enfraquecido com as denúncias, disse que Palocci não quis entrar nessa discussão e que ele também não entrará. "Isso (as denúncias) não pode ser maximizado. Nos primeiros seis meses, o Brasil sentiu a personalidade da presidente Dilma na política, na economia, nas ações sociais."

O vice-presidente da República, Michel Temer, disse acreditar que o ministro Palocci irá esclarecer a reportagem deste final de semana da revista Veja, que traz novas denúncias. Temer alegou que ainda não havia lido a revista, mas ficou sabendo da reportagem. E frisou que é favorável à continuidade do ministro no cargo e que não tem nenhuma objeção ao seu nome. "Tenho absoluta convicção de que o ministro vai esclarecer isso (matéria da Veja)."

Tudo o que sabemos sobre:
PalocciexplicaçõesVaccarezza

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.