Único governador eleito pelo PP toma posse em Goiás

O único governador eleito pelo PP em 2006, o médico Alcides Rodrigues Filho, que obteve 57,14% dos votos válidos, assumiu nesta segunda-feira o governo do Estado de Goiás em sessão solene da Assembléia Legislativa. Em seu discurso de posse, Alcides declarou ter três missões bem definidas: "investir nas áreas de Educação, Saúde e Segurança Pública". Alcides garantiu que seu governo será pautado pelo diálogo, "com todos os setores da sociedade". Cotado para presidente nacional de honra do PP, o governador explicou, no entanto, que não irá ao Planalto "com um pires na mão". Ao lado de Alcides, tomou posse nesta segunda-feira o vice-governador do Estado, Ademir Menezes (PL), ex-prefeito de Aparecida de Goiânia. Antes, Alcides e Ademir participaram de um culto evangélico no Palácio das Esmeraldas e de uma missa na Catedral Metropolitana. Em seu governo, Alcides deve contar com o apoio de 26 dos 41 deputados estaduais, além da maioria da bancada federal de Goiás na Câmara, com 17 deputados, e três senadores. Há três semanas, o governador de Goiás impôs o nome de seu presidente na Câmara de Goiânia. O PP deve enfrentar o PMDB de Íris Rezende, prefeito de Goiânia, nas eleições municipais de 2008. Alcides Rodrigues reconheceu, nesta segunda-feira, que sua atuação como vice-governador, nos últimos 7 anos, e como governador, nos últimos 10 meses, garantem a continuidade do Governo do Tempo Novo, que foi comandado pelo tucano Marconi Perillo (PSDB), eleito senador. O governador afirmou ainda que pretende arrumar financeiramente o Estado e que vai pagar o salário de dezembro até o próximo dia 10. Alcides disse que pretende atrair investimentos para Goiás. Nesta segunda-feira, ele ainda participa da posse do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em Brasília. Trajetória política Alcides Rodrigues Filho, 56 anos, é médico e construiu sua carreira política ao lado do atual senador Marcondes Perillo. Ao longo de sua carreira, adversários chegaram a criticá-lo, acusando-o de ser uma espécie de "sombra" de Perillo. Alcides nasceu na cidade de Santa Helena de Goiás, em outubro de 1950. Com a reeleição em outubro, ele estendeu sua permanência no governo do Estado, cargo que ocupa desde março de 2006, quando Perillo, seu antecessor, decidiu abandonar o cargo para concorrer ao Senado. Na ocasião, Perillo deixou o governo de Goiás gozando de boa avaliação popular. Alcides iniciou sua campanha à reeleição em terceiro lugar, empatado com Demóstenes Torres (PFL).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.