Um morto e cinco desaparecidos no acidente com helicóptero

A Petrobras divulgou uma nota oficial sobre a queda do helicóptero com 11 pessoas a bordo, próximo ao campo de Albacora, na Bacia de Campos (RJ). A estatal lamenta o acidente e informa que um dos seis resgatados faleceu e outros cinco ainda estão sendo procurados. De acordo com a estatal, "por volta das 8h20 ocorreu a queda de um helicóptero tipo S-76 da empresa BHS, prefixo MYM, que transportava, a serviço da Petrobras, nove passageiros e dois tripulantes". A nota informa que o helicóptero caiu a 190 km a nordeste de Macaé, local onde a profundidade de água é cerca de 370m. Foram resgatados até o momento e passam bem: Luciana de Oliveira Silva, empregada da CIS Brasil; Anderson Andrade da Silva, da Krontec; Augusto César Peixoto Gomes, empregado da Petrobras, e os empregados da BHS, Comandante Adriano Godinho Bastos e o co-piloto José Ismael M. Jr. O mecânico Carlos Augusto Rodrigues, empregado da Siemens, foi resgatado com vida, mas não resistiu.A Petrobras informa que a Marinha do Brasil e a Força Aérea Brasileira estão trabalhando na busca pelos passageiros Adilson Alves de Paula, Eleomar Rossi e Higor Neves da Silva, empregados da Krontec; Ricardo Antonio da Silva, empregado da Promontest; e Anidalmom Moraes Siqueira, empregado da BSM.A nota diz ainda que a Petrobras e as empresas contratadas "estão prestando toda a assistência necessária aos familiares dos trabalhadores envolvidos no acidente".A empresa proprietária do helicóptero A BHS Helicópteros também divulgou nota sobre a queda do helicóptero Sikorski ? S76, de sua propriedade. Além de lamentar o acidente, que deixou um morto, a empresa ressaltou no comunicado que a aeronave "operava em estrita conformidade com os programas de inspeção e manutenção do fabricante e com as auditorias técnicas da Petrobras". A BHS informa que toda a documentação a respeito já foi entregue às autoridades competentes. O comunicado termina afirmando que "a BHS, associada aos esforços de resgate, solidariza-se com os familiares da tripulação e dos passageiros, e manifesta sua disposição de realizar todos os esforços que se façam necessários para o apoio às vítimas."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.