Últimos pacientes chineses da Sars estão livres da doença

Os últimos 12 pacientes chineses da Síndrome Respiratória Aguda Severa (Sars) foram declarados livres da doença nesta terça-feira, em Pequim. Segundo a Oficina Municipal de Salubridade de Pequim, os pacientes continuam hospitalizados, mas não apresentam sintomas ou perigo de infectarem outras pessoas.A pneumonia asiática matou 348 pessoas na China e infectou mais de 5.300. Quase metade das mortes registradas por causa da Sars no mundo aconteceu em Pequim, a cidade mais afetada pela doença. No mês passado, a Organização Mundial da Saúde considerou o surto de Sars controlado. Mais de 800 pessoas morreram desde o início do surto na Ásia, em novembro do ano passado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.