TV Estadão promove debate sobre as manifestações

Especialistas avaliam protestos recentes ocorridos no País e os gritos de 'sem partido'; transmissão será ao vivo, a partir das 16h

atualizado às 15h, O Estado de S. Paulo

21 Junho 2013 | 13h33

SÃO PAULO - A TV Estadão promove debate nesta sexta-feira, 21, sobre os protestos ocorridos durante essa semana nas cidades brasileiras e sobre os impactos dessas manifestações para a classe política. A transmissão será ao vivo, a partir das 16h. Os internautas podem enviar sugestões de perguntas pelo Twitter, usando a hashtag #ParticipeEstadao, ou pela página do Estado no Facebook.

No encontro, os cientistas políticos José Álvaro Moisés, Carlos Melo e Aldo Fornazieri vão discutir também a reação de manifestantes contrários à participação de militantes de partidos políticos nos protestos ocorridos em todo o País.

No ato desta quinta-feira, 20, aumentou o coro pelo grito "sem partido" entre parte dos manifestantes, que chegaram a entrar em conflito com grupos que levavam bandeiras de siglas como PSTU, Psol, PCB, PC do B e PT. Cenas de discussão foram registradas em São Paulo, Belo Horizonte. Os "antipartidos" se diziam contrários à partidarização dos atos e qualificavam a presença das bandeiras como oportunismo. Os militantes respondiam com gritos de "sem facismo".

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.