Túmulo de Covas recebe intensa visitação

A administração do Cemitério do Paquetá recebeu hoje o maior número de visitas desde o enterro do governador Mário Covas, no dia sete de março. Pelos cálculos da Guarda Municipal e administração do Cemitério, mais de mil pessoas estiveram no túmulo do governador só na manhã de sábado, número inferior apenas ao do dia do enterro de Covas. Além dos santistas que aproveitaram o final de semana para prestar homenagens ao governador , muitos turistas do interior do Estado estiveram no Cemitério depositando flores, poemas, recortes de jornal e bandeiras plásticas com o nome de Mário Covas.A Missa de Sétimo Dia da morte do governador está marcada para esta segunda-feira , as 18h30 na Catedral de Santos, cidade natal do governador. No mesmo dia serão retiradas todas as coroas de flores depositadas na fachada do Cemitério do Paquetá e nos corredores que levam ao túmulo do governador.A auxiliar de limpeza, Maria Tereza Vicente, foi uma das moradoras do Bairro do Paquetá que aproveitaram o dia de folga para prestar homenagens a Mario Covas. "É o mínimo que eu posso fazer por ele. Sempre admirei a figura do governador e por isso vim aqui rezar".Angelo Della Volpe, advogado em São Caetano do Sul, diz que veio a cidade especialmente para "rezar uma Ave Maria e um Pai Nosso por esse homem de quem tanto descordei, mas a quem aprendi a respeitar por sua sinceridade e caráter".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.