Tucano troca nomes e saúda 'Geraldo Kassab' em evento do DEM

Goldman, vice-governador de SP, apóia aliança do PSDB com o atual prefeito, mas errou nome mais de uma vez

CRISTINA CANAS, Agencia Estado

14 de junho de 2008 | 14h22

Presença comemorada na convenção do DEM, o vice-governador de São Paulo, Alberto Goldman (PSDB), acabou cometendo uma gafe ao trocar o nome do candidato à eleição municipal, Gilberto Kassab (DEM), e chamá-lo pelo nome de seu adversário, Geraldo Alckmin. Pouco depois, Goldman mais uma vez errou o nome do candidato: "Venho trazer uma saudação do governador José Serra ao companheiro Geraldo Kassab." Nos dois momentos o vice-governador foi fortemente vaiado pela platéia, que lotava o auditório Juscelino Kubitschek, na Assembléia Legislativa de São Paulo.Veja também:DEM oficializa candidatura de Kassab à Prefeitura de SPCandidatura tucana não destrói aliança entre DEM e PSDB, diz KassabTSE cancela quase 2 milhões de títulos eleitorais Calendário eleitoral das eleições deste ano  Durante seu pronunciamento, Goldman enfatizou ser favorável à manutenção da aliança do DEM com PSDB nas eleições de outubro. "Nossa aliança é tão forte que até costurei os nomes", disse para justificar o ato falho. A atual gestão de Kassab, na prefeitura de São Paulo, conta com diversos secretários do PSDB, entre eles nomes de peso como Andrea Matarasso, da Secretaria de Coordenação das Subprefeituras; Walter Feldmann, secretário de Esportes; e Clóvis Carvalho, da Secretaria de Governo. O DEM oficializou em convenção do partido na Assembléia Legislativa de São Paulo neste sábado a candidatura do prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (DEM), à reeleição na coligação da sigla com PMDB, PR e PV, segundo confirmou ao estadao.com.br o líder o partido na Câmara Municipal, Carlos Apolinário.  A escolha do vice está em aberto, uma vez que o PSDB - com quem o DEM espera fazer uma aliança - divide-se entre os que apóiam a reeleição de Kassab e os que querem o ex-governador Geraldo Alckmin na disputa. A convenção tucana está marcada para o próximo dia 22. Apesar da indefinição, o PMDB, que também realiza convenção e já tinha fechado apoio ao DEM, indicou a Kassab - a quem cabe a última palavra - o nome de Alda Marco Antônio para vice.  (Com Talita Eredia, do estadao.com.br)

Tudo o que sabemos sobre:
eleições municipaisGilberto Kassab

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.