TST recebe prestação de contas do Fórum Trabalhista de SP

A presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região, juíza Maria Aparecida Pellegrina, entrega hoje ao presidente do Tribunal Superior do Trabalho, ministro Francisco Fausto, relatório com a primeira prestação de contas das obras do Fórum Trabalhista de São Paulo, retomadas em setembro. O relatório foi elaborado por engenheiros do Banco do Brasil, que estão administrando a obra, e, também, será encaminhado pela presidente do TRT da 2ª Região ao ministro Humberto Souto, presidente do Tribunal de Contas da União, ao ministro Adylson Motta, também do TCU, e à Comissão de Orçamento do Congresso Nacional, entre outras instituições.Nessa primeira etapa da retomada da obra do Fórum, foram executados os serviços de recuperação e instalação do canteiro de obras, contratação de seguros, movimentação de terra para realização de obras de fundação e os primeiros serviços de alvenaria. A Construtora OAS, contratada pelo Tribunal para concluir as obras do Fórum sob a administração do Banco do Brasil, realizou nesse primeiro mês 1,09% da obra, o equivalente a R$ 597.552,00. Para conclusão do prédio, ainda serão necessários R$ 54.999.156,93, dos quais, o TRT já dispõe de R$ 10,9 milhões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.