TSE rejeita trocar foto de Roriz por Weslian na urna

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) rejeitou ontem à noite um pedido para atualização na urna eletrônica dos dados de um dos candidatos ao governo do Distrito Federal. O ex-governador e ex-senador Joaquim Roriz renunciou à candidatura dias antes do primeiro turno e foi substituído pela própria mulher, Weslian Roriz. No primeiro turno, ao digitar o número correspondente à candidata Weslian, os eleitores viram na urna eletrônica o nome e a foto de Joaquim Roriz. O mesmo ocorrerá no segundo turno. De acordo com os ministros do TSE, o sistema atual da urna não permite, por razões de segurança, a inserção de dados no atual momento do processo eleitoral. O TSE decidiu pedir à área de informática que analise a possibilidade de ocorrer esse tipo de troca em futuras eleições.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.