TSE recebe recurso contra Perillo

O Ministério Público em Goiás pediu ao Tribunal Superior Eleitoral que modifique decisão do Tribunal Regional Eleitoral goiano para que este dê continuidade a julgamento de recurso para multar o senador Marconi Perillo (foto), do PSDB. Em 2002, o então candidato à reeleição ao governo do Estado teria veiculado propaganda eleitoral irregular, através da Agência Goiana de Comunicação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.