TSE: presos provisórios poderão votar em 26 Estados

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou hoje que presos provisórios e adolescentes internados de 26 unidades da Federação poderão votar na eleição de outubro. De acordo com o TSE, somente o Estado de Goiás não realizará esse tipo de votação.

MARIÂNGELA GALLUCCI, Agência Estado

21 Julho 2010 | 17h13

O tribunal informou que serão instalados locais de votação em 424 estabelecimentos prisionais e unidades de internação, onde 20.099 eleitores poderão votar. Segundo o TSE, o Estado de Minas Gerais é o que tem o maior número de eleitores nesses estabelecimentos, seguido por São Paulo e o Rio Grande do Sul.

Essa não será a primeira vez que presos provisórios votam no Brasil. Em 2008, a eleição ocorreu em estabelecimentos prisionais de 11 Estados. Conforme o TSE, nenhum incidente foi registrado na ocasião.

Mais conteúdo sobre:
eleição voto presídios TSE

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.