TSE permite PRTB ter acesso a dados do Datafolha

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) concedeu ao Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB) acesso aos dados da pesquisa eleitoral Datafolha registrada sob o protocolo 19890/2010. O ministro Henrique Neves permitiu que a legenda tenha acesso ao sistema interno de controle, verificação e fiscalização da coleta de dados da sondagem eleitoral, inclusive identificação dos entrevistadores. Assim, o partido pode, por meio de escolha aleatória de planilhas individuais, conferir os resultados publicados.

AE, Agência Estado

27 Julho 2010 | 12h24

O DEM também havia feito pedido semelhante para ter acesso aos dados do levantamento, mas a corte negou o requerimento sob a alegação de que a legenda integra a coligação "O Brasil Pode Mais". "Nos termos do artigo 6º, parágrafos 1º e 4º, da Lei 9.504/97, o partido coligado não possui legitimidade para se dirigir à Justiça Eleitoral durante o processo eleitoral, salvo para discutir questão relacionada à formação da coligação", afirmou o ministro, na decisão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.