TSE nega cassação de prefeito e vice

O ministro Fernando Gonçalves, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), negou recurso que pedia a cassação dos diplomas do prefeito Edmilson José Cesílio, do vice Wilson Ferreira Inácio e do vereador Elder Soares, eleitos em 2004 em São Luís de Montes Belos (GO). A acusação era de abuso de poder econômico e compra de votos na campanha eleitoral daquele ano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.