TSE manda tirar site com propaganda contra Dilma do ar

O ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Joelson Dias determinou a retirada do ar de um site que estaria sendo utilizado para fazer propaganda contra a candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff. A medida foi tomada depois que o tesoureiro da campanha da candidata Marina Silva acionou o TSE alegando que foi informado de que seu nome e CPF teriam sido usados por uma outra pessoa para registrar um domínio na internet para veicular a propaganda.

AE, Agência Estado

26 de agosto de 2010 | 14h41

Além de ter pedido a suspensão do site, o tesoureiro solicitou que seja encaminhada cópia da representação ao Ministério Público (MP) para abertura de um inquérito. Segundo ele, há "manifestos indícios de práticas criminosas".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.