TSE extingue ação de dono de castelo

O ministro do TSE Felix Fischer extinguiu o pedido de justa causa do deputado Edmar Moreira (MG) para sair do DEM. A decisão do relator se baseou na informação da legenda de que o deputado já foi desfiliado pelo partido. No dia 9 de fevereiro, Moreira apresentou ao TSE pedido de justa causa para deixar o DEM, alegando perseguição interna no partido. O deputado ficou conhecido por omitir a propriedade de um castelo avaliado em R$ 25 milhões no interior de Minas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.