TSE: embaixadores e autoridades acompanham eleição

A votação no segundo turno no Brasil está sendo acompanhada por 24 autoridades estrangeiras e 17 embaixadores, de acordo com a Assessoria de Assuntos Internacionais do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Os representantes de outros países estão distribuídos no Distrito Federal e nos Estados de São Paulo, Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul.

EDUARDO RODRIGUES, Agência Estado

31 de outubro de 2010 | 13h55

Como no primeiro turno, foram 146 observadores de 36 países, as eleições deste ano foram acompanhadas por 187 autoridades estrangeiras, de 45 países. Segundo o TSE, a Argentina é o país com o maior número de observadores.

De acordo com o Tribunal, a demanda internacional por cooperação com o Brasil na área eleitoral se concentra principalmente no interesse pela urna eletrônica e pelo sistema de identificação biométrica dos eleitores, que já é empregado em algumas partes do País.

Tudo o que sabemos sobre:
eleições 2010TSE

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.