TSE determina retirada de outdoors com propaganda de Garotinho

O ministro Marco Aurélio Mello, vice-presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), determinou ao ex-governador Anthony Garotinho (PMDB-RJ) que retire imediatamente outdoors com suposta propaganda eleitoral de sua possível candidatura à Presidência da República. Marco Aurélio tomou a decisão ao analisar uma representação protocolada no TSE pelo PDT.Conforme o ministro, fotos anexadas à representação caracterizaram propaganda eleitoral irregular feita antes do prazo permitido pela legislação. A propaganda eleitoral é permitida após 5 de julho. "As fotos de folha 10 realmente encerram escancarada propaganda eleitoral. Tem-se a referência à circunstância de o município de Maricá apoiar o representado para a Presidência, constando dados do partido político respectivo", disse Marco Aurélio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.