TSE convoca internautas para testar segurança de urnas

Participantes poderão atuar como hackers e promover ataques aos sistemas para checar eventuais falhas

Da Agência Brasil

11 de setembro de 2009 | 13h15

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) apresentou na manhã desta sexta-feira os testes de segurança que serão feitos na urna eletrônica e nos softwares de votação das eleições de 2010. Segundo o TSE, os testes servem para que a sociedade verifique o funcionamento dos sistemas.

 

Veja também:

link Sem decisão para web, Senado aprova base da reforma eleitoral

especialESPECIAL: Entenda o que está em jogo na reforma eleitoral

 

Os participantes poderão, inclusive, atuar como hackers, ou seja, promover ataques aos sistemas para checar eventuais falhas, violações ou fraudes. O ministro Ricardo Lewandowski participou da abertura.

 

Os testes estão marcados para o período de 10 a 13 de novembro, das 9h às 18h. Os testes públicos de segurança foram aprovados pelo TSE em sessão administrativa realizada em 30 de junho.

Tudo o que sabemos sobre:
eleições 2010TSEhackers

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.